Quase Sem Querer

Legião Urbana

Tenho andado distraído
Impaciente e indeciso
E ainda estou confuso, só que agora é diferente
Estou tão tranquilo e tão contente

Quantas chances desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo o mundo
Que eu não precisava provar nada pra ninguém

Me fiz em mil pedaços pra você juntar
E queria sempre achar explicação pro que eu sentia
Como um anjo caído, fiz questão de esquecer
Que mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira

Mas não sou mais
Tão criança
Oh, oh
A ponto de saber tudo

Já não me preocupo se eu não sei por que
Às vezes o que eu vejo quase ninguém vê
E eu sei que você sabe quase sem querer
Que eu vejo o mesmo que você

Tão correto e tão bonito
O infinito é realmente um dos deuses mais lindos
Sei que às vezes uso palavras repetidas
Mas quais são as palavras que nunca são ditas?

Me disseram que você
Estava chorando
E foi então que eu percebi
Como lhe quero tanto

Já não me preocupo se eu não sei por que
Às vezes o que eu vejo quase ninguém vê
E eu sei que você sabe quase sem querer
Que eu quero o mesmo que você

Álbum: Dois – 1986
Gravadora: EMI

Foi o segundo álbum da banda Legião Urbana, na época considerado o terceiro melhor da música brasileira por ouvintes de uma rádio. Traz grandes sucessos como Eduardo e Mônica, Índios, Quase sem querer, e outros que nos deixam com saudades até hoje.

Lançamento: julho de 1986
Produtor: Mayrton Bahia

Nota do editor:

O álbum Dois acredito que marcou a juventude da época que ouvia o tempo todo nas rádios a música Eduardo e Mônica, a qual foi considerada uma música difícil para banda por não ter refrão e mesmo assim fez um sucesso danado. A banda ainda colocou uma faixa extra com a música Química que seria lançada depois no próximo álbum.

Álbum Que país é este, da Legião Urbana